Nota de pesar pelo falecimento do ex-deputado Jorge Uequed

01/11/2022

Uequed com o líder palestino Yasser Arafat, no Líbano, em 1981 (Foto: Arquivo pessoal)

A comunidade brasileiro-palestina está em luto pelo falecimento de JORGE UEQUED, aos 80 anos, hoje, à 1 hora, no Hospital Moinhos de Vento, em Porto Alegre/RS, onde estava internado há 20 dias, devido a complicações do câncer que tratava há quatro anos.

Advogado, jornalista, bacharel em Ciência Políticas e Sociais, Uequed foi vereador em Canoas/RS de 1969 a 1973 e deputado federal entre 1974 e 1994. Se destacou em defesa da democracia e da cidadania, especialmente durante a Constituinte, bem como pela defesa da Causa Palestina.

Descendente de imigrantes libaneses, Uequed abraçou, desde muito cedo, a Causa Palestina como a sua causa. Especialmente quando deputado federal, fez da luta palestina uma constante em seus inflamados pronunciamentos da tribuna da Câmara Federal, se firmando como um dos mais destacados defensores da Questão Palestina na história parlamentar brasileira.

Isso lhe valeu uma das passagens mais emblemáticas da sua vida, como ele mesmo definia: chefiar uma delegação de 40 parlamentares, lideranças políticas e intelectuais, em 1981, para visitar o líder palestino Yasser Arafat (1929-2004), em seu quartel-general, no Líbano, e levar a solidariedade do Brasil à luta palestina por autodeterminação e retorno de seus refugiados à Palestina.

Uequed foi um dos principais artífices e fundadores do bloco parlamentar de amizade Brasil-Povo Árabe, que tinha a Questão Palestina como sua maior agenda. Seu trabalho foi também crucial para a sedimentação das relações do Brasil com a Organização para a Libertação da Palestina (OLP), o que levou à admissão de um escritório de representação da organização em Brasília, em 1979.Lutar pelos direitos do povo palestino enchia Uequed de orgulho.

“Tive a honra de ser amigo de Arafat”, disse certa vez, lembrando de quando o líder palestino esteve no Brasil, em outubro de 1995, quando já não era deputado federal, momento em que esta amizade foi demonstrada publicamente.

“Eu fui lá prestigiar. Sentei no fim das fileiras porque na frente estavam apenas os deputados. E ele me viu lá no fundo e me chamou (em árabe), ‘vem pra cá!’, e eu assisti a cerimônia de um lugar de honra.”, recordou em entrevista ao site da FEPAL, em novembro de 2019, dias antes do lançamento do livro “Sem ódio e sem medo”, em que conta sua história política em defesa da democracia e dos direitos do povo palestino.

Por tudo isso, Jorge Uequed tem lugar de destaque na história do movimento palestino no Brasil e é amplamente reconhecido pela comunidade brasileiro-palestina, por suas lideranças e pelas autoridades governamentais palestinas e da OLP.

Jorge Uequed deixa a esposa Rosemary Beatriz Gomes, com quem foi casado por 50 anos, os filhos Luciane, Jorge e Gisele, os netos Yasmin, Luísa, Jorge e Santiago.

O corpo de Jorge Uequed está sendo velado desde as 10 horas no Cemitério Parque São Vicente, em Canoas, onde será sepultado, às 17 horas.

Notícias em destaque

27/05/2024

Repórteres Sem Fronteiras apresenta terceira queixa ao TPI sobre crimes de guerra israelenses contra jornalistas em Gaza

Apresentada em 24 de Maio, três dias antes do nono aniversário da Resolução [...]

LER MATÉRIA
26/05/2024

A humanidade precisa parar “israel” como parou o nazismo: pelas armas

Os horrores testemunhados pela humanidade hoje, em Rafah, extremidade sul [...]

LER MATÉRIA
15/05/2024

Ato na Assembleia Legislativa de SP relembra 76 anos da Nakba denuncia genocídio na Palestina

Na segunda-feira à noite, mais de duzentas pessoas, dezenas delas [...]

LER MATÉRIA
11/04/2024

Caiado e Tarcísio em Israel: uma viagem muito estranha e sem respostas.

Uma viagem estranha, que teve por objetivo inicial prestar apoio e [...]

LER MATÉRIA
05/04/2024

Prefeitura de São Leopoldo reinaugura Praça Palestina.

Nesta terça-feira, 2 de abril, realizou-se a cerimônia de entrega da obra [...]

LER MATÉRIA
01/04/2024

Lula é agraciado com comenda Hanna Safieh de Direitos Humanos, um dos fundadores da FEPAL

O professor de origem palestina Hanna Safieh, um dos mais importantes [...]

LER MATÉRIA