Palestina envia ajuda e socorro às vítimas do terremoto na Síria e Turquia

07/02/2023

Equipe de intervenção e resposta de emergência da Palestina partirá amanhã (8) para auxiliar no socorro às milhares de vítimas do terremoto que atingiu os dois países na última segunda-feira

Equipe de intervenção e resposta de emergência da Palestina partirá amanhã (8) para auxiliar no socorro às milhares de vítimas do terremoto que atingiu os dois países na última segunda-feira

O diretor-geral da Agência Palestina de Cooperação Internacional, Imad Al-Zuhairi, disse que a equipe de intervenção e resposta de emergência do Estado da Palestina partirá amanhã para a Turquia e a Síria para prestar socorro aos afetados pelo devastador terremoto.

Al-Zuhairi disse, em entrevista à rádio oficial, que a equipe palestina será dividida em duas partes, que irão amanhã aos dois países para trabalharem em ambos ao mesmo tempo.

Segundo ele, “a equipe é especializada e tem o que há de mais avançado em abrigo e alimentação e em montar acampamentos para hospitalização, queimaduras, emergências e médicos especializados em psiquiatria infantil e feminina”, ressaltando que seus integrantes têm as especializações exigidas para casos de emergências e desastres naturais.

“Hoje terminaremos toda a coordenação necessária para o deslocamento da delegação para Jordânia e depois, por terra, para a Síria, e por via área para a Turquia”, adiantou.

Al-Zuhairi informou, ainda, que há, de parte da população palestina, “muita ajuda em espécie que será doada e fornecida às famílias das vítimas e dos afetados em ambos os países, e essa ajuda pode assumir a forma de ajuda humanitária urgente, ajuda alimentar e outras”. Segundo o diretor da agência palestina, recursos financeiros e material em montantes significativos serão doados por filantropos e empresários palestinos.

O ministro das Relações Exteriores da Palestina, Riyad Al-Malki, já havia anunciado no dia anterior que receberá orndes do presidente Mahmoud Abbas para a realização das duas missões humanitárias, sob a supervisão do governo palestino.

* Matéria originalmente publicada no site Ramallah News (em árabe)

Notícias em destaque

27/05/2024

Repórteres Sem Fronteiras apresenta terceira queixa ao TPI sobre crimes de guerra israelenses contra jornalistas em Gaza

Apresentada em 24 de Maio, três dias antes do nono aniversário da Resolução [...]

LER MATÉRIA
26/05/2024

A humanidade precisa parar “israel” como parou o nazismo: pelas armas

Os horrores testemunhados pela humanidade hoje, em Rafah, extremidade sul [...]

LER MATÉRIA
15/05/2024

Ato na Assembleia Legislativa de SP relembra 76 anos da Nakba denuncia genocídio na Palestina

Na segunda-feira à noite, mais de duzentas pessoas, dezenas delas [...]

LER MATÉRIA
11/04/2024

Caiado e Tarcísio em Israel: uma viagem muito estranha e sem respostas.

Uma viagem estranha, que teve por objetivo inicial prestar apoio e [...]

LER MATÉRIA
05/04/2024

Prefeitura de São Leopoldo reinaugura Praça Palestina.

Nesta terça-feira, 2 de abril, realizou-se a cerimônia de entrega da obra [...]

LER MATÉRIA
01/04/2024

Lula é agraciado com comenda Hanna Safieh de Direitos Humanos, um dos fundadores da FEPAL

O professor de origem palestina Hanna Safieh, um dos mais importantes [...]

LER MATÉRIA