FEPAL recebe material histórico para seu Projeto Memória Palestina no Brasil

17/03/2022

Elayyan entregou quadros que contam a história da FEPAL e do movimento palestino

O ex-presidente da Federação Árabe Palestina do Brasil (FEPAL), Elayyan Aladdin, repassou centenas de documentos históricos da entidade que mantinha sob sua guarda. A entrega foi feita ontem, em Novo Hamburgo (RS), ao atual presidente da FEPAL, Ualid Rabah, que está no estado em visita às comunidades do interior e da grande Porto Alegre

São documentos que contam a história de congressos e outros encontros da FEPAL, fóruns sociais mundiais e outros eventos de que a entidade tomou parte, cartas, ofícios, livros, vídeos, cartazes, fotos, além de quadros e gravuras. A maior parte diz respeito ao período em que Aladdin presidiu a FEPAL, mas há documentos de períodos anteriores.

Para Rabah, a reunião do material histórico permitirá que “seja organizada e disponibilizada à comunidade palestina, aos pesquisadores e às gerações futuras a história do movimento palestino no Brasil, assim como da FEPAL, de suas entidades de base, das sociedades, de suas lideranças comunitárias e políticas”.

Os documentos arrecadados junto ao ex-presidente se somam a outros centenas já repassados à FEPAL por Ali El-Katib e Emir Mourad, militantes e dirigentes históricos da Juventude Palestina Sanaúd, inclusive como seus principais fundadores e organizadores, da FEPAL, praticamente desde sua fundação, há mais de 40 anos, e da Confederação Palestina Latinoamericana e do Caribe (COPLAC), que também fundaram e dirigiram.

Este material histórico está sendo reunido e organizado no bojo do projeto Memória Palestina no Brasil, uma iniciativa da atual gestão da FEPAL, que tem por objetivo o resgate histórico de tudo que diga respeito à Palestina no Brasil, tornar este material acessível a todos que queiram tomar contato com ele, seja para conhecimento, seja para pesquisas.

“Na prática, a ideia é termos no Brasil um museu desta história toda e um grande banco de dados, uma espécie de biblioteca, que dará a todos a oportunidade de tomarem contato com a história tanto do movimento palestino e suas entidades, organizações e movimento, quanto das comunidades, da sua imigração, suas lideranças e personalidades”, explica Rabah.

Rabah destaca que neste trabalha está sendo reunido também valioso material sobre a Organização para a Libertação da Palestina (OLP) no país, que deu início à organização de palestinos e seus descendentes no Brasil.

A reunião de material histórico seguirá até o próximo congresso da FEPAL, no ano que vem. Ao mesmo tempo que a entidade arrecada este material histórico, uma comissão será brevemente constituída e oficializada para lidar com ele, especialmente para sua organização, digitalização e arquivamento, com metodologia que permitirá fácil acesso a todos que queiram tomar contato com o material.

Notícias em destaque

12/05/2022

Comunidades palestinas no Brasil se mobilizam para a Nakba 74

Neste próximo domingo, dia 15, relembramos os 74 anos da Nakba – a [...]

LER MATÉRIA
06/05/2022

FEPAL recebe homenagens à comunidade palestina nas câmaras de Bagé e Santana do Livramento

Na noite de quinta-feira, dia 05 de maio, aconteceu, na Câmara de [...]

LER MATÉRIA
25/04/2022

Confira a programação da FEPAL no Fórum Social das Resistências 2022

A Federação Árabe Palestina do Brasil – FEPAL participará de uma [...]

LER MATÉRIA
22/04/2022

Violência em Jerusalém é inerente ao apartheid de Israel e pode levar a uma guerra religiosa, diz Governo Palestino

Em nota difundida à imprensa por seu Ministério de Relações Exteriores, o [...]

LER MATÉRIA
14/04/2022

Embaixada da Palestina cria linha direta para a comunidade tratar de assuntos consulares

A Embaixada do Estado da Palestina acaba de criar uma linha telefônica [...]

LER MATÉRIA
12/04/2022

Israel dificulta comemoração da Páscoa em Jerusalém com violência e restrições aos cristãos, acusa patriarcado

O Patriarcado Ortodoxo Grego de Jerusalém acusa as autoridades israelenses [...]

LER MATÉRIA